quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

INDIGNAÇÃO



És pai?
És pai biológico com toda a certeza.
Foste pai durante uns anos. Foste pai no dia em que nasceram. Via-se no teu olhar. Foste pai quando lhes deste os primeiros banhos. Foste pai nos dias em que eras seu companheiro de brincadeiras. Foste pai...
És pai?
Deixaste de ser pai no dia em que eles deixaram de ser a tua prioridade. Relegaste-os para segundo plano na tua vida. Não foi só o deixares de lhes dar o beijo de "boas noites", foi a tua atenção e o teu tempo que não mais foram para eles. Mas não deixaram de ser teus filhos e sentem a tua ausência física e principalmente a falta do teu amor. Achas suficiente apareceres nos dias dos seus aniversários todo comovido para lhes dar um beijo e uma prenda. Serás pai só nesses dias? É que no dia seguinte negoceias a redução ao mínimo do tempo que passas com eles. Não sentes a necessidade que eles têm de ti? Da tua atenção? Do teu amor?
És pai?


5 comentários:

Angel of Light disse...

Querida!

Como te compreendo (também não sei a que pai te referes, nem me diz respeito...),... também eu passo por isso, não em relação ao pai dos meus filhos (meu marido), que é um Pai com letra maiúscula, mas sim em relação àquele que contribuiu para me colocar no mundo dos humanos... Compreendo-o e respeito-o, porque está no seu processo evolutivo, apesar de ainda ter de aprender muita coisa e muitas vidas ainda terá que viver (sabe-se lá em que planeta...), para (re)encontrar a sua verdadeira essência, o seu Amor... Infelizmente nesta vida ainda não conseguiu perceber que somos todos UM... e que há outros seres humanos, outros anjos, iguais a ele, a viver a sua jornada no planeta Terra.

Beijinhos de Amor, Paz, Luz e Harmonia,
Ritinha
(Angel of Light)

Vento disse...

Como a vida é injusta, uns não são presentes outros querem estar e não os deixam.

Bom 2010
Beijo grande

BlueVelvet disse...

Querida, querida Sunshine,
compreendo a tua indignação e concordo com ela, mas não deixes a amargura entrar contigo no Ano Novo.
Que importa se ele não é pai se tu és a melhor Mãe que os teus filhos podiam ter?
Amanhã passo por cá para te desejar Bom Ano.
Hoje só te deixo beijinhos dos meus.

lua prateada disse...

Amiga...como sei do que falas...e muito mais quando apenas foi pai sáo para fazer...
Passei te desejando:
Um Novo Ano cheio de caminhos repletos de flores...
jasmim, alfazema a rosa com a cor que mais amares, margaridas aos molhos...
E que durante todo o ano sejas bafejada por seus cheiros enebriantes...
Beijinho com muito carinho da


SOL

Violeta disse...

Querida amiga,
sei que o que te vou dizer pode magoar-te, mas não está na tua mão... é o percurso de vida dele, dos filhos, a aprendizagem de cada um. Apoia os teus filhos e faz o teu papel de mãe, o de pai cabe ao pai e se ele não o consegue desempenhar à altura, colherá o que semeia.
Um beijo e muita força, que 2010 seja mais elve, doce e sereno.