sexta-feira, 23 de maio de 2008

GRITO


Palavras ensurdecedoras
Esgrimam ferozmente
Agrupam-se sem sentido
Tomam forma
Ganham volume
Crescem, crescem...
Disformes, enormes
Não as comporto
Saem
Num grito!

Silêncio absoluto
Finalmente...

7 comentários:

carvoeirita disse...

Como te entendo...quantas vezes ao dia fico surda com os gritos que não emito, que controlo...inspiro e expiro como uma boa menina..mas há dias...dias como os que referes em que tenho mesmo que gritar e chorar todas as dores que já chorei tanta vez mas que nunca secam nem deixam de escoar...
Tu escreves tão bem!

Não vejo visitar-te, para que me deixes um comentário também, venho porque gosto de te ler, porque mesmo sem te conhecer sinto que somos almas muito próximas.
Bom fim de semana!

BlueVelvet disse...

Pensamentos que nos martirizam, normalmente de noite, até que conseguimos adormecer...
Não sei se foi isto que quiseste dizer, mas foi o que senti.
Beijinhos e bom fim-de-semana

Coragem disse...

Que se soltem os gritos
e as amarras...
Para nos libertar
do que nos
prende a este chão...
O caminho é a linha recta da vida
o destino...a felicidade

Beijinho e bom fim de semana

Estrela do Sul disse...

Grita, amiguinha. Grita até que a garganta enrouqueça, os pulmoes te doam. Mas grita para fora. Nunca para dentro.

Olá...
Um verdadeiro amigo,
nunca invade a nossa vida
Simplesmente conquista
Obrigado pela sua amizade.
Beijos

Um optimo fim de semana

Abraço amigo

Mario Rodrigues

lua prateada disse...

Hummm...nem vou comentar miga seria longo demais a dar-te razão...

Sobrevoei nas asas do vento
Parei em teu cantinho
Deixando aqui cair
Todo o meu carinho.

Deixando também a paz
Que de mim emana
E te desejando
Um lindo fim de semana.

Beijinho prateado

SOL

sani disse...

Que haja coragem para se soltarem os gritos da LIBERDADE!!!Gritar é um acto de Heroísmo!!!
Beijos
Sani

Olá!! disse...

E depois da tempestade, vem a calma...
Lindo
Beijosssssssssssss