sábado, 10 de maio de 2008

SONHO



Era noite
Fria,
Escura.
Procurava-te
Em vão.
Fechava os olhos
Dormia...
Aparecias
Deitado,
Aninhado ao meu lado.
Acordava...
Já lá não estavas,
Sentia
O teu cheiro,
O teu calor.
Dormia...
Embalada
Por palavras doces,
Pelo toque suave de mãos.
Acordei...
Não abri os olhos,
Queria-te comigo.

9 comentários:

LetrasAlinhadas disse...

Enigmático...agrada-me, beijooss

Coragem disse...

Para quem não apreciava poesia, para quem há pouco que a lê, adorei a sua...
beijinho

Suave Toque disse...

"Amizade é sentir o carinho
é ouvir um chamado
é saber o momento
de ficar calado
Amizade é somar a
alegria, dividir tristeza
é respeitar o espaço
silenciar um segredo e a
certeza da mao estendida, a cumplicidade que nao
se explica apenas se vive."

Um feliz final de semana...e uma semana cheia de boas realizações.

Grande beijo,

Suave Toque

Olá!! disse...

e continua a encantar :))))

Boa semana CC

*********

carvoeirita disse...

mas não pode ser!!!Tens que abrir os olhos com muita força e atenção..mantê-los abertos e atentos a cada minuto e segundo...
Só assim o conseguirás ver, quando ele passar ou chegar...os instintos alerta para saber que é ele, e que chegou.

bisturi disse...

Um bom Dia dos Açores...
Bons festejos do Espirito Santo...

Maria disse...

sonhar é preciso..... sempre...

beijo

sani disse...

Adoro estes sonhos!!! Às vezes sabe bem sonhar com quem não está ao nosso lado!!!!lololol
Beijos
Sani

BlueVelvet disse...

Para quem não lia poesia, para quem ...já percebi: estavas a enganar-nos, porque este poema está uma beleza.
Parabéns e
Veludinhos azuis